Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Comércio local da Região do Vale do Guaporé recebe a Campanha “Cidade limpa: sinônimo de saúde”.

Publicada 24/07/2018

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por meio do Consórcio Astec/Direção/MRS, através dos Programas de Educação Ambiental e Sanitária (PEAS) e Comunicação Social (PCS), desenvolveu no mês de julho/2018, a campanha “Cidade limpa: sinônimo de saúde”.

O descarte inadequado dos resíduos urbanos causa inúmeros prejuízos, como a poluição ambiental – a natureza é uma das principais vítimas do descarte inadequado do lixo: cursos d’água e todos os seus ecossistemas sofrem com a poluição – e a proliferação de endemias, já que o acúmulo de resíduos em locais inapropriados pode gerar o aumento de pragas e vetores, colocando em risco a saúde pública.

Assim, visando sensibilizar a população da Região do Vale do Guaporé, para a importância da manutenção de cidades limpas e organizadas, a equipe do PEAS visitou o comércio local de todos os municípios situados ao longo da Rodovia BR-429/RO, sendo: Alvorada do Oeste/RO, São Miguel do Guaporé/RO, Seringueiras/RO, São Francisco do Guaporé/RO, Costa Marques/RO e distritos de Terra Boa/RO e São Domingos do Guaporé/RO, afixando cartazes e dialogando com os comerciantes sobre os benefícios do descarte correto e responsável do lixo.

Com atitudes simples, como levar pequenos resíduos conosco até a lixeira mais próxima, inspecionar nossos quintais á procura de recipientes que possam favorecer a proliferação de insetos e somente depositar o lixo residencial e comercial para fora nos dias especificados para a coleta, melhoramos nossa cidade e contribuímos para melhor qualidade de vida de todos!

A situação do meio em que vivemos diz muito sobre o nosso próprio comportamento. A manutenção de uma cidade limpa precisa ser resultado de um trabalho conjunto entre a prefeitura, os moradores e as empresas. Cidade limpa é sinônimo de saúde, portanto, colabore, faça sua parte!

 

Com informações de: pensamentoverde



Voltar