Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Campanha “Outubro Rosa” movimenta o comércio local de Alvorada do Oeste/RO

Publicada 04/10/2016

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), o câncer de mama, é o tipo mais comum entre as mulheres de todo o mundo, ficando atrás apenas de “pele não melanoma”, respondendo por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Pensando nisso, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), desenvolveu a Campanha “Outubro Rosa”, através do Consórcio Astec/Direção/MRS, por meio dos Programas de Educação Ambiental e Sanitária (PEAS) e Comunicação Social (PCS).

As atividades da Campanha foram executadas no município de Alvorada do Oeste/RO. A equipe do PEAS distribuiu laços cor-de-rosa em alusão ao Movimento Outubro Rosa e afixou cartazes no comércio local. A adesão do público foi imediata, demonstrando a preocupação de toda a sociedade com os dados alarmantes referentes a essa grave patologia.

É importante destacar que o Movimento conhecido como “Outubro Rosa” teve início nos Estados Unidos, na década de 90, época em que já se observava a necessidade de orientar e estimular a população para o controle do câncer de mama. O câncer de mama continua raro antes dos 35 anos. Acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos, aumentando também a obrigação de maiores cuidados. Estatísticas divulgadas pelo INCA indicam aumento da sua incidência tanto nos países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento. A projeção de novos casos para 2016, segundo o Instituto é de 57.960 e infelizmente, a taxa de mortalidade no Brasil, ainda é elevada.

A boa notícia é de que segundo os especialistas, caso seja descoberto e tratado no início, a perspectiva de cura é alta, portanto, previna-se! Realize o autoexame, realize consultas médicas periodicamente e seja multiplicador(a) dessas informações, salvando a sua vida e de outras pessoas. Vista-se de rosa e apoie essa causa, nossa luta é pela vida! 



Voltar